Renovação da imagem digital do nosso agrupamento

É com uma enorme satisfação e sentido de dever cumprido neste projecto que o Agrupamento 342 de Vialonga vem agradecer a excelente recepção dos novos canais de informação.

Desde a divulgação do site no passado Sábado até ao fim do dia de Domingo acedream ao novo site cerca de 449 utilizadores diferentes que provocaram no seu conjunto 6218 visualizações.

Recepcao

Estes são os resultados iniciais após a concretização de um desafio que surgiu no ano passado, onde em Julho foi apresentada e aprovada a iniciativa em Conselho de Agrupamento.

Esta iniciativa preconizava uma presença digital:

  • mais fácil:
    • Somos “Todos diferentes, todos iguais, somos um”
      Todos os blogs num só endereço – www.agr342.cne-escutismo.pt
    • Navegação intuitiva, estrutura simples de menus
    • Pesquisa eficaz – simples ou complexa
  • mais próxima:
    • Visualização adequada ao meu tablet ou ao meu telemóvel
    • Sei que há novidades / notícias por e-mail, RSS ou Facebook
    • As minhas sugestões chegam mais rápido e ao “sítio” certo
  • mais apelativa:
    • através de um “Look and feel” moderno
    • através de desafios com recurso ao intelecto
    • através de jogos e incentivos à exploração
  • e com o maior retorno de um investimento a custo zero.

 

Após as merecidas férias de Agosto, e depois de garantir as condições nas plataformas informáticas do CNE, demos início no dia 25 de Setembro ao desenvolvimento de todos os serviços inerentes aos canais actuais de divulgação – informação em páginas web bem como blogs para artigos (o nosso site), notificações de artigos por mail por subscrição, notificações de artigos no Facebook, e por fim notificações de artigos via RSS.

Foi no dia 11 de Janeiro de 2016 (3 meses e 16 dias) que o site tinha a sua primeira versão para ser disponibilizada internamente para avaliação e testes iniciais.

Desde então foram desenvolvidos os conteúdos que hoje se espera trazerem valor para as nossas crianças e jovens, bem como para o público em geral.

Tudo foi possível graças à participação de todos os animadores do Agrupamento 342 de Vialonga que contribuíram das mais variadas formas: reuniões, esclarecimentos, opiniões, melhorias, correcções, ajudas técnicas, cedências, e muita vontade de dar ainda mais às nossas crianças e jovens que em nós depositam a sua confiança como investimento para o seu crescimento.

E pronto, esperamos que gostem tanto quanto o gozo que nos deu todo este percurso.

 

Agrupamento 342 de Vialonga

 

Partilha este artigo:

Facebooktwittergoogle_pluspinterestlinkedintumblrmail

Oração do Escuta

Senhor Jesus
O escuteiro dirige-se diretamente a Cristo, num diálogo fraterno e respeitoso, abrindo o coração para O escutar.

Ensinai-me
A prece que faz é um pedido de sabedoria. O escuteiro não pede uma ação direta de transformação fácil e automática, pede que lhe seja ensinado como proceder, ele próprio, a essa transformação.

a ser generoso,
E segue-se a identificação das características dessa transformação:
GENEROSIDADE – A generosidade é o dom daquele que dá para satisfação da necessidade do próximo, em detrimento da sua, e não porque lhe sobra.

A servir-Vos como Vós o mereceis,
SERVIÇO A DEUS – Esta forma de servir implica viver segundo os valores do Evangelho.

A dar-me sem medida,
SERVIÇO AOS OUTROS – A missão, viver ao serviço dos outros, não quando apetece ou dá jeito, mas é uma opção de vida.

A combater sem cuidar das feridas,
PERSEVERANÇA – A perseverança é o dom daquele que não desanima nas contrariedades e nas dificuldades, conservando-se firme e continuando o seu projeto.

A trabalhar sem procurar descanso,
ESFORÇO – O empenho é necessário a tudo o que se faz e só assim se pode ter bons resultados

A gastar-me sem esperar outra recompensa,
CAPACIDADE DE ENTREGA – A capacidade de entrega é o dom daquele que serve o outro, humilde, dedicada e confiadamente, sem medo do que possa vir.

Senão saber que faço a Vossa vontade santa, Ámen
E FÉ – A Fé impele a ter uma relação pessoal com Deus e assim leva-nos a crescer na confiança de que o maior bem está no cumprimento da Sua vontade.

 

Partilha este artigo:

Facebooktwittergoogle_pluspinterestlinkedintumblrmail

Oração do Fundador (encontros internacionais)

Escrito por Robert Stephenson Baden-Powell para ser usada em encontros internacionais.

Pai de todos nós,

Reunimo-nos hoje aqui diante de Ti, numerosos nas Terras de onde provimos e nas raças que representamos mas um só na nossa irmandade sob a Tua Divina Paternidade.

Vimos diante de Ti com os corações repletos de gratidão e de júbilo pelas muitas bênçãos que nos concedestes, e por o nosso movimento Ter prosperado como algo aceitável ao Teu olhar.

Em retribuição, depositamos em Teu altar, como nossa humilde acção de graças, os sacrifícios que possamos realizar ao serviço do próximo.

Rogamos-Te que durante a nossa comunhão aqui, possamos juntos, sob a Tua divina Inspiração, adquirir uma perspectiva mais ampla, uma visão mais clara de tudo o que se abre diante de nós e das oportunidades que se nos oferecem.

Assim possamos nós seguir em frente com uma fé fortalecida para levar a cabo a nossa missão de elevar os ideais e as possibilidades de uma humanidade e de, por meio de uma compreensão mais íntima, contribuir para trazer o Teu Governo de Felicidade, de Paz e de Boa Vontade sobre esta Terra.

 

Written by Robert Stephenson Baden-Powell for use in international events.

Father of us all,

We meet before Thee here today, numerous in the lands we come from and in the races we represent, but one in our Brotherhood under Thy Divine Fatherhood.

We come before Thee with hearts grateful and gladdened by the many blessings Thou hast granted us and thankful that our Movement has prospered as acceptable in Thy sight.

In return we would lay on Thine Altar, as our humble thank-offering, such sacrifice as we can make of self in service to others.

We ask that during our communion here together we may, under Thy Divine Inspiration, gain a widened outlook, a clearer vision of all that lies open before us and of our opportunity.

Thus we may then go forth with strengthened faith to carry on our mission of heightening the ideals and powers of manhood, and of helping through closer understanding to bring about Thy happier Rule of Peace and Goodwill upon Earth.

 

Partilha este artigo:

Facebooktwittergoogle_pluspinterestlinkedintumblrmail

Oração do Guia

Versão 1:

Senhor Jesus,
quiseste que eu fosse escolhido para guia,
fazei com que, pela palavra, pelo exemplo,
e pela correção fraterna
nos ajudemos todos a progredir
no amor fraterno e no Vosso amor.

Ámen

 

Versão 2:

Dai-me Senhor, um coração sempre desperto,
Um coração nobre, um coração reto,
Um coração firme, um coração livre,
Que nenhum pensamento curioso me afaste
Da Vossa Lei;
Que nenhum afecto indigno a profane;
Que nenhuma intenção má dela me desvie;
Que nenhuma adversidade me consiga abalar;
Que nenhuma paixão violenta seja capaz
De me escravizar.

Amén.

 

Partilha este artigo:

Facebooktwittergoogle_pluspinterestlinkedintumblrmail

Lei do Escuta

A Lei do Escuta (tem 10 artigos):.

  1. A honra do Escuta inspira confiança.
    (verdade, confiança, coerência)
  2. O Escuta é leal.
    (lealdade e fidelidade)
  3. O Escuta é útil e pratica diariamente uma boa ação.
    (altruísmo, humildade, serviço, amor)
  4. O Escuta é amigo de todos e irmão de todos os outros Escutas.
    (amizade, disponibilidade, perdão)
  5. O Escuta é delicado e respeitador.
    (respeito e delicadeza)
  6. O Escuta protege as plantas e os animais.
    (responsabilidade, contemplação, proteção)
  7. O Escuta é obediente.
    (obediência, disciplina, humildade)
  8. O Escuta tem sempre boa disposição de espírito.
    (alegria, otimismo, esperança)
  9. O Escuta é sóbrio, económico e respeitador do bem alheio.
    (sobriedade, economia, honestidade)
  10. O Escuta é puro nos pensamentos, nas palavras e nas ações.
    (pureza, integridade, renúncia)

 

Partilha este artigo:

Facebooktwittergoogle_pluspinterestlinkedintumblrmail

Celebração da Promessa do Caminheiro

Antes do início das promessas, o Chefe de Agrupamento ou outro Chefe, faz uma breve introdução alusiva ou uma eventual explicação sobre o acto que se vai realizar, dirigindo-se aos Escuteiros e à Assembleia, focando as etapas percorridas e a que se segue.
O Guia mais antigo do Grupo procede à chamada de modo nominal e individual. Primeiro chama os Noviços e depois os Aspirantes.
Cada candidato, ao ouvir o seu nome, coloca-se de pé e responde em voz alta “Alerta” colocando-se depois em sentido, diante do altar e faz o sinal Escutista (saudação), ao que o Chefe de Unidade corresponderá.
Aos Noviços, o Chefe do Grupo Pioneiro retira-lhes o lenço de Explorador.

Chefe: «Homens novos para um mundo novo», eis a síntese do nosso projecto: A insatisfação do que somos é o ponto de partida. Peregrinos do infinito, vencemos na esperança o esforço de caminhar. Fazemos nossa a palavra de S. Paulo: «Não vos conformeis com este mundo, mas transformai-vos pela renovação  da vossa mente a fim  de conhecerdes a vontade de Deus».

Noviço / Aspirante: Chefe, faço minha essa proposta. Esse é o meu caminho. A vida em Clã e o esforço colectivo pelo crescimento responsável e fraterno, são meios de realização. Vivo e estou aberto a partilhar com quem queira fazer seu este ideal.

Chefe: Muito bem. Fico feliz com a vossa adesão.

Noviço / Aspirante: Chefe, é meu desejo tornar-me Caminheiro.

Chefe: É com alegria que verifico o vosso desejo. Lembrai-vos porém que Caminheiro é aquele que vive a convicção de não ter aqui morada permanente, que vive o desprendimento do peregrino, que alimenta o seu espírito na alegria da partilha animada pela caridade. Quereis viver este ideal?

Noviço / Aspirante: Sim, com a ajuda de Deus, quero ser Caminheiro.

Chefe: Qual a divisa que quereis viver?

Noviço / Aspirante: Servir.

Chefe (dirigindo-se ao grupo): E vós, Caminheiros, aceitais estes jovens na nossa Fraternidade?

Noviço / Aspirante: Sim, aceitamos.

Chefe: Sede, pois, dos nossos. Perante as bandeiras, o livro da Palavra de Deus e o Círio Pascal que é a Luz do Homem Novo, renovai a vossa Promessa de Escuteiro.

Os novos Escuteiros, perfilados, estendem o braço esquerdo sobre as bandeiras e fazem, com a mão direita, o sinal Escutista (saudação). Avançam as madrinhas ou padrinhos, que se colocam por trás dos respectivos afilhados. Os novos Pioneiros dizem:

Prometo, pela minha honra e com a graça de Deus, fazer todo o possível por:
– Cumprir os meus deveres para com Deus, a Igreja e a Pátria;
– Auxiliar o meu semelhante em todas as circunstâncias;
– Obedecer à Lei do Escuta

Assistente (segurando na mão um dos lenços): Recebe este lenço da cor do fogo e do sangue; que ele te estimule ao entusiasmo no Serviço e à coragem no sacrifício, próprios do Homem Novo.

Pioneiro: Ámen.

Impõe o lenço aos novos Caminheiros.

Madrinha / Padrinho (coloca a mão direita no ombro do afilhado e repete): Em nome de Deus, Santa Maria, São Jorge, São Pedro e São Francisco de Assis eu testemunho a tua promessa de Escuteiro e prometo proteger-te como tal.

Os padrinhos regressam ao seu lugar.

Chefe: Olhai  para  esta  vara  bifurcada.  Ela  é  para  vós  a  imagem  de  dois caminhos. A escolha do bem, mesmo à custa de sacrifício, será para vós libertadora. Tendes à vossa frente um caminho longo e aliciante (Entrega a vara ou bate com ela no ombro do novo Caminheiro).

Chefe: Reconheceis  que  o  Movimento  Escutista  é  uma fraternidade Mundial e que, ao entrardes para ela, vos tornais amigos e irmãos dos Escuteiros de todo o mundo?

Caminheiro: Sim reconheço.

Chefe: Pois bem, pela vossa fidelidade à Promessa, honrai sempre esta Fraternidade, vivendo como Jesus Cristo ensinou: “Amai-vos uns aos outros como Eu vos amei”.

Chefe (Cumprimenta cada um dos novos Caminheiros dizendo): Desde este momento, fazes parte da grande família dos Caminheiros do CNE.

Assistente: Como vos diz o Senhor Jesus, vós sois a luz do mundo, vós sois o sal da terra; não se pode esconder a luz, nem pode o sal perder o sabor. Por isso Deus vos abençoe (+) para que, assumindo solenemente o compromisso de serdes, em Cristo, Homens Novos para um mundo novo, partais com a certeza  que  Ele  fará  o  caminho  convosco,  como  vosso amigo e companheiro, e o Seu Espírito será vosso guia para vos dar força e coragem na longa jornada da vida.

Oração do Caminheiro:
Senhor Jesus,
Que Vos apresentastes aos homens como um caminho vivo,
Irradiando a claridade que vem do alto,
Dignai-Vos ser
O meu guia e companheiro
Nos caminhos da vida,
Como um dia fostes no caminho de Emaús;
Iluminai-me com o Vosso Espírito,
A fim de saber descobrir
O caminho do Vosso melhor serviço;
E que, alimentado com a Eucaristia,
Verdadeiro Pão de todos os Caminheiros,
Apesar das fadigas e das contradições da jornada,
Eu possa caminhar convosco
Em direcção ao Pai e aos irmãos.
Amén.

No final todos regressam ao seu lugar.

 

Partilha este artigo:

Facebooktwittergoogle_pluspinterestlinkedintumblrmail

Celebração da Promessa do Explorador

Antes do início das Promessas, o Chefe de Agrupamento ou outro Chefe, faz uma breve introdução alusiva ou uma explicação sobre o acto que se vai realizar, dirigindo-se aos Escuteiros e à Assembleia, focando as etapas percorridas e a que se segue.
O Guia mais antigo do Grupo procede à chamada de modo nominal e individual.
Primeiro chama os Noviços e depois os Aspirantes.
Cada candidato, ao ouvir o seu nome, coloca-se de pé e responde em voz alta “Alerta” e depois coloca-se em sentido, diante do altar e faz o sinal Escutista (saudação), ao que o Chefe de Unidade corresponderá.
Aos Noviços, a Aquelá retira os lenços de Lobito aos que pertenceram à Alcateia.

Chefe: Que desejais?

Noviço / Aspirante: Ser Escuteiro do CNE.

Chefe: Como Escuteiros, estais dispostos a viver com os outros, a respeitar, a amar e a proteger a Natureza?

Noviço / Aspirante: Sim, estou.

Chefe: Sabendo que os exploradores e os heróis do Povo de Deus são o modelo para a vossa Secção, estais dispostos a viver segundo esse ideal, com coragem e dando na vida testemunho da Fé?

Noviço / Aspirante: Sim, estou.

Chefe: Prometeis cumprir sempre os Princípios e a Lei do Escuta?

Noviço / Aspirante: Sim, que Deus há-de ajudar-me.

Chefe: Qual a divisa que quereis viver?

Noviço / Aspirante: Sempre Alerta.

Chefe: Já pensastes bem no valor da promessa que ides fazer?

Noviço / Aspirante: Sim, pensei e quero ser Escuteiro.

Chefe: Confiando na vossa lealdade, podeis fazer a Promessa.

Neste momento, avançam as bandeiras e as madrinhas/ padrinhos. Estes dispõem-se por trás do respectivo afilhado. Os novos Escuteiros, perfilados, estendem a mão esquerda sobre as bandeiras e, fazendo o sinal Escutista (saudação), dizem:

Prometo, pela minha honra e com a graça de Deus, fazer todo o possível por:
– Cumprir os meus deveres para com Deus, a Igreja e a Pátria;
– Auxiliar o meu semelhante em todas as circunstâncias;
– Obedecer à Lei do Escuta

Assistente (segurando na mão um dos lenços): Recebe esta insígnia, de cor verde, símbolo da Natureza e da esperança que todos colocam em ti. Está “Sempre Alerta” e sê fiel ao teu compromisso.

Explorador: Ámen.

Impõe o lenço aos novos Exploradores.

Madrinha / Padrinho (coloca a mão direita no ombro do afilhado e repete): Em nome de Deus, Santa Maria, São Jorge e São Nun’Alvares Pereira eu testemunho a tua promessa de Escuteiro e prometo proteger-te como tal.

Os padrinhos regressam ao seu lugar.

Chefe: Reconheceis que o Movimento Escutista é uma fraternidade Mundial e que, ao entrardes para ela, vos tornais amigos e irmãos dos Escuteiros de todo o mundo?

Explorador: Sim reconheço.

Chefe: Pois bem, pela vossa fidelidade à Promessa, honrai sempre esta Fraternidade, vivendo como Jesus Cristo ensinou: “Amai-vos uns aos outros como Eu vos amei”.

Chefe (Cumprimenta cada um dos novos Exploradores dizendo): Desde este momento, fazes parte da grande família dos Exploradores do CNE.

Oração do Escuta:
Senhor Jesus,
Ensinai-me a ser generoso,
A servir-Vos como Vós o mereceis,
A dar-me sem medida,
A combater sem cuidar das feridas,
A trabalhar sem procurar descanso,
A gastar-me sem esperar outra recompensa,
Senão saber que faço a vossa vontade Santa.

No final todos regressam ao seu lugar.

 

Partilha este artigo:

Facebooktwittergoogle_pluspinterestlinkedintumblrmail